Dr. Reynaldo Purim – Alguns dados biográficos | Por João Reinaldo Purin

Esta publicação foi necessária devido ao grande número de leitores que não conheceram a história deste vulto cujo objetivo primordial era o ensino das Verdades da Bíblia Sagrada.

Dr. REYNALDO PURIM

Alguns dados biográficos

Nasceu em 9 de janeiro de 1897 em Rio Novo, município de Orleans do Sul (hoje apenas Orleans) no sul do Estado de Santa Catarina.

Rio Novo era a primeira Co1ônia de elementos provenientes da Letônia no Brasil. Na quase totalidade era constituída de batistas. Houve tempo em que a igreja contou com grande número de membros, da qual saíram muitos pastores, hoje realizando a Obra em muitas partes do Brasil e no estrangeiro.

Sua meninice, adolescência e parte da juventude passou na roça, onde fez o seu curso primário e estudou também numa escola noturna.

Com 20 anos, isto é, em 17 de fevereiro de 1917 deixava a casa dos pais João Purim Lisete Rose Purim e seus irmãos Otto Roberto, Lúcia e Olga. Deixava Rio Novo para estudar. Após semanas de viagem pelo mar desembarcava no porto do Rio de Janeiro para estudar no então Colégio e Seminário Batista. Ao prestar os exames de admissão para o ginásio foi já classificado para ingressar já na 2ª série do mesmo.
No Rio de Janeiro terminou em 1922 o seu Bacharel em Artes no Colégio Batista e em 1923 o Bacharel em Teologia. Em 1924 terminou o seu Mestrado em Teologia defendendo a tese: Jesus Cristo – O Atonement, hoje publicado pela JUERP sob o título: Jesus Cristo – O Reconciliador.

Como seminarista trabalhou na Igreja Batista do Engenho de Dentro com o Pr. Ricardo Pitrowsky, cooperando com a Congregação Batista de Pilares. Em 16 de março de 1923 foi ordenado ao Ministério da Palavra assumindo o pastorado daquela Igreja.

Em setembro de 1926 chegava ao Seminário de Louisville na outra América onde, até o ano de 1928 realizou estudos especiais naquele famoso seminário concomitantemente com a Universidade daquela cidade, Alcançando o segundo mestrado em Teologia, defendendo a tese: A Exultação de Jesus no Espírito Santo.

Deixa Louisville temporariamente e ingressa no Georgetown College onde após 2 anos, isto em 1929 alcança o grau de Bacharel em Artes que equivale ao de Ciências e Letras.

Dos anos 1930 a 34 – em 5 anos produziu a sua monumental tese de doutorado depois de receber aulas especiais no Seminário de Louisville de pós-graduação de Apologética, Hebraico, Grego e matérias afins com os famosos Drs. Robertson, Mullins, Jonhson, Trible, Dobbins e outros.

Sua tese tem como título: Uma Introdução à Filosofia da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo. Tese esta que lhe deu a mais alta graduação daquela época – Doutor em Filosofia – Ph. D. Sua tese foi muito elogiada e apreciada naquela ocasião por todos quantos dela tomaram conhecimento.

Sua especialização, com isto, foi no campo da Filosofia da Religião Cristã e conseqüentemente na Apologética Cristã que é a defesa do Cristianismo.

Nos Estados Unidos fez parte de vários grêmios literários e culturais, inclusive de jornalistas que escreviam para o Jornal de Georgetown.

COMO SE MANTEVE
Em que pese, receber ajuda de seus pais e irmãos que do suor dos seus rostos com o trabalho na roça, conseguiam enviar parte dos recursos para sustentá-lo, também ele não media esforços com seu trabalho.
No Rio – Colégio começou como chefe de disciplina no Colégio Batista, também capinou e cuidou da horta, rachou muita lenha para a cozinha e trabalhou na carpintaria tornando-se chefe da mesma.
Em Georgetown. – trabalhou como pedreiro, carpinteiro, tornando-se também chefe da carpintaria.
Em Louisville – cortou muita grama com máquina. Traba1hou também como foguista para aquecimento dos dormitórios e prédios nos rigorosos invernos daquela terra.

Foram seus contemporâneos no Seminário de Louisville os nossos conhecidos e saudosos. Dr. A. Bem Oliver e Dr. João Filson Soren.

Graus que alcançou:
Bacharel em Ciências e Letras – Rio de Janeiro
Bachare1 em Teologia – Rio de Janeiro
Mestre em Teologia – Rio de Janeiro
Bacharel em Ciências e Artes – Georgetown
Mestre em Teo1ogia – Louisville
Doutor em Filosofia – Louisville.

Logo que voltou da outra America, em 1934 passou alguns meses em Rio Novo. Foi quando recebeu o convite da Igreja Batista de Bangu. Assumindo o seu pastorado em 1935 onde permaneceu até 5 de outubro de 1975 quando pregou o seu último sermão.

De volta ao Rio, em 1935, começou a lecionar no Seminário e em vários colégios. Destaca-se a atuação dele no Seminário Teológico Betel com o Pr. José de Miranda Pinto.

No Seminário Batista do Sul foi catedrático das cadeiras de Apologética e Filosofia da Religião Cristã. Lecionou várias outras matérias, tais como: Cristianismo e Cultura Contemporânea, Exegese do Antigo Testamento, Exegese do Novo Testamento, Filosofia Contemporânea, Filosofia, Grego, Hebraico, História da Filosofia, História do Cristianismo, Lógica, Metafísica, Metodologia Teológica, Religiões, Teologia do Antigo Testamento, Teologia do Novo Testamento, Teologia Sistemática, e possivelmente outras. Ele gozou sempre grande conceito e respeito por parte de seus alunos.

São inúmeros os pastores espalhados pelos Brasil e fora dele que passaram por suas mãos. Eles guardam as mais gratas recordações do Mestre, Dr. Reynaldo Purim e dizem, com saudades: “Ah, as aulas do Dr. Purim.”

ACERVO DAS PUBLICAÇÕES:
Além do livro mencionado acima, Jesus Cristo – Reconciliador, 119 p. foram publicados os seguintes:
* JESUS CRISTO NO PANORAMA DA HISTÓRIA, 94p.;
* A IGREJA DE JESUS CRISTO, 68 p.;
* O ESPÍRITO SANTO, 119 p.;
* Conteúdos de aulas no Seminário do Sul à disposição dos interessados:
* APOLOGÉTICA CRISTÃ, 72 p;
* ELEMENTOS DE METAFÍSICA COM VISTAS À TEOLOGIA CRISTÃ, 70 p.
* FILOSOFIA DA RELIGIÃO CRISTÃ, 104 p.;
* HISTÓRIA DA FILOSOFIA, 100 p.
* INTRODUÇÃO À FILOSOFIA, 42 p.
* LÓGICA. 68 P.
* METODOLOGIA TEOLÓGICA CRISTÃ, 42 p;
* TEOLOGIA BÍBLICA DO NOVO TESTAMENTO, 100 p.

* Outro material produzido para fins específicos, também à disposição:
* A Essência da Obra de Cristo que é uma Introdução à Filosofia da Morte e Ressurreição de Jesus Cristo – Tese de doutorado traduzida para o português por Cláudio Vital de Souza. 206p.;
* A IGREJA DE CRISTO E SUA MISSÃO EVANGELIZADORA, 24 p;
* A PREEMINÊNCIA DO INDIVÍDUO SOBRE AS CLASSES ORGANIZADAS, 10 p.
* ALGUNS PRINCÍPIOS EXCLUSIVAMENTE BATISTAS, 16 p.;
* AUTORIDADE NA RELIGIÃO CRISTÃ, 70 p.;
* DEMOCRACIA CRISTÃ (entrevista), 8 p.;
* IDÉIAS BÍBLICAS PARA SEUS SERMÕES (Esboços) Vol. I, 98 p.
* IDÉIAS BÍBLICAS PARA SEUS SERMÕES (Esboços) Vol. II,98 p.
* IDÉIAS BÍBLICAS PARA SEUS SERMÕES (Esboços) Vol. III,99 p.
* O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO, 8 p.;
* O ENSINO DE JESUS SOBRE O ESPÍRITO SANTO, 10 p.;
* O PODER DO ALTO, (Sermão) 20 p;
* ORIENTAÇÃO PARA OS NOVOS CRENTES, 24 p.;
* PREDESTINAÇÃO E APOSTASIA ou A PERSEVERANÇA DOS SALVOS, 70 p.;
* PRINCÍPIOS BATISTAS (tese para os pastores do Estado do Rio), 38 p.;
* Acervo das lições da Revista da União de Mocidade Batista da qual ele foi redator no período de Janeiro de 1936 a dezembro de 1942. Trata-se de uma coletânea de lições que foram usadas para os jovens nas então chamadas “Uniões de Mocidade” e que objetivavam a educação cristã e treinamento. São lições preciosas que estarão sendo publicadas sob o tema: “Eu vos escreví”

Sinto-me responsável em preservar os escritos dele e colocá-los à disposição para que o seu pensamento continue influenciando e formando a mentalidade das gerações presentes e futuras conforme a nossa única Regra de Doutrina e Conduta – a Bíblia.

Quatro Barras, PR, 20 de fevereiro de 2012.
João Reinaldo Purin
jrpurin2008@gmail.com

Advertisements

9 comments on “Dr. Reynaldo Purim – Alguns dados biográficos | Por João Reinaldo Purin

  1. Ademir diz:

    A contribuição do movimento religioso da Igreja Batista no Brasil foi decisivo, pois um pais de tradição Católica recebeu e proclamou a liberdade religiosa, sem dúvida é um avanço, cuja Igreja Batista soube ocupar este espaço para difusão e propagação de fé.

    • V. A. Purim diz:

      Olá Professor Ademir. A verdade é que não foi somente a Igreja Batista mas, também de outras denominações e associações que lutaram para que isto se tornasse realidade. Ainda hoje existem resquícios da época quando não havia a liberdade de consciência como de certos feriados e interferência nas verbas destinadas a construção de templos etc. Obrigado.

  2. Sélito Baschirotto diz:

    Olá!
    Meu nome é Sélito Baschirotto, e temos algo em comum. Fui criado em Rio Carlota, do ladinho de onde ainda está, ainda hoje, a “igreja dos russos” meu pai comprou parte do terreno que era de Jean Purin,a até hoje mora lá. Me lembro de quando ainda menino fazia “expedições” pelo cemitério dos letos e ficava maravilhado com aqueles nomes e datas antigas nas lápides. Ficou impressionado com o nível de desenvolvimento cultural de vocês. Infelizmente, por razões de época, não foram bem compreendidos e aproveitados à altura por nós italianos e pela cidade de Orleans como um todo. Vocês são povo maravilhoso. Venho aqui a agradecer e parabenizar pelo maravilhoso site e por levar Rio Novo e Rio Carlota para o mundo. Eu e meu pai estamos à disposição para qualquer coisa que precisarem. Parabéns pela valorização da história e da cultura!!!

    • V. A. Purim diz:

      Olá amigo Baschiroto. Realmente temos muita coisa em comum. Estou numa corrida de serviço e traduções, portanto gostaria que esperasse um pouco para nós acertarmos um papo prá valer.Gostaria que você me indicasse o lugar que o senhor seu pai mora.
      Se é realmente no lugar que os Purims moraram. Aquele abraço e obrigado pelas palavras amáveis em relação ao nosso povo e nosso trabalho.
      V.A.Purim

    • V. A. Purim diz:

      Olá amigo Baschiroto. Estou preocupado pois não recebi nenhum comentário adicional. Escreva tudo sobre o seu pai e descreva bem o lugar onde ele mora. preciso ir conhecer vocês.então agora fico aguardando notícias de vocês.
      V.A.Purim
      (Eu sou filho do Artur e neto do Jahn)

  3. Sélito Baschirotto diz:

    Ó me desculpe pelo descaso…, V.A.Purim
    Mas, é que estive muito ocupado por esses tempos devido a um problema de saúde e atividades escolares

    O terreno de meu pai até, parece ter pertencido à Jan Puring, próximo à escola, que fica no pé de um morro junto à nascente do Rio Novo, isso por um mapa por volta do ano de 1900. Posso identificar lotes pertencentes a Pedro Butler, a Fritz Feldberg. Acho que já que vocês tem um cuidado muito belo pela sua história deveriam dar uma olhada no cemitério, para ver como está…., nem eu mesmo sei, só fui lá por uma trilha já a mais de 20 anos…

    Lembro de que pelos idos da década de 90 recebemos em nossa casa a visita de um Puring, que parece que era o antigo dono do terreno. Minha mãe pode precisar melhor quem era o visitante

    Mande um email para baschirotto2003@hotmail.com, que fornecerei, os telefones de meu pai e mãe, caso desejar.
    Parabéns imensamente trabalho…

    Forte abraço e fiquemos com Deus!!!
    Sélito Baschirotto

    • V. A. Purim diz:

      Amigo Sélito.
      Agora quem demorou fui eu.
      Não é que não tivesse interesse.
      Tenho muito interesse de conversar com o Sr. seu pai
      Eu tinha um plano alternativo de passar por lá
      Mas eu tenho que ir a um Congresso Leto em Ijuí e dai não vai sobrar tempo nesta viagem
      Quero ficar mais dias em Orleans.
      Obrigado pelo interesse de atender até por telefone
      Quando chegar mais próxima da data da minha viagem eu mando outra mensagem,.
      Que o bom Deus abençoe você e os seus.
      Aquele abraço.
      V.A.Purim

  4. Sélito diz:

    Ok, V.A Purin, à disposição!

    • V. A. Purim diz:

      Muito obrigado Sélito.
      Voltaremos a conversar.
      Abraços>
      V.A.Purim

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s