Para a Argentina | Arthur Leimann a Reynaldo Purim

[carta em português, apresentada na grafia original]

Rodeio do Assucar, 30/1=18

Caro amigo Reynaldo! Saudações. Recebi o seu postal. Agradecido. Queixa-te que eu não escrevo e que os outros também não escrevem. Quanto a mim que sou nem mais nem menos amigo ou inimigo do que era. E quanto á nossa correspondência, tenho escrito sempre. Pois por ultimo não tenho recebido bendizer nada de ti motivo por que as vezes escrevi com gosto. Penses como quiser. Posso comunicarte que estou já na mala. Irei para a Argentina. Talvez que, se me agradar bem ficarei uns tempos pó la. Hontem cheguei em casa de viagem que fiz a serra, estive em casa do irmão Guedes. Minha viagem foi interessante, Viajando distribui tratados novos testamentos ect. E mesmo fallando com os que viajava junto acerca de salvação que Jesus offerece gratuitamente a todos. Ainda que fui sósinho, mas a viagem parecia ser curta demais. Pois o motivo que escrevo mal e devido a canceira. Os seus pais bem gozando saúde e todas coisas boas. Abraço do teu conservo e amigo Arthur Leimann

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s